Você está aqui: Página Inicial > Ensino > Cursos > Graduação > Licenciatura > Artes Cênicas

Artes Cênicas

por admin publicado 15/02/2016 16h37, última modificação 01/06/2017 15h35
Diretor-geral do Campus:  Marcelo Alves Terra
Telefones: (63) 3311-5410
 
Coordenador do curso: Marli Fernandes Magalhães
Telefones: (63) 3311-5406
 
Duração mínima: 07 semestres (três anos e meio)
Eixo Tecnológico: Licenciatura
Forma de Articulação: Superior 
Turno: Noturno
Carga Horária: 2.949,99 
Número de vagas: 40

Ingresso: Anual

Objetivos

Formar arte-educadores para suprir a demanda de profissionais habilitados para atuar nas escolas de ensino fundamental e médio nas instituições de ensino do estado do Tocantins.

  • Salientar a importância da arte cênica na formação do indivíduo no ambiente escolar para sua inserção social e cultural no meio em que vive;
  • Propiciar a apreciação crítica e contextualização da obra artística no decorrer da história até o mundo contemporâneo;
  • Conhecer e vivenciar as linguagens cênicas em suas diversas vertentes e especificidades;
  • Trabalhar a arte cênica como ferramenta de desenvolvimento intelectual, social e auto-conhecimento do indivíduo nas escolas;
  • Desenvolver projetos interdisciplinares nas educações de ensino fundamental e médio com base na linguagem cênica;
  • Fornecer uma formação base para atuação do profissional não somente como arteeducador, mas também quanto artista que possa trabalhar como ator, diretor, cenógrafo, dramaturgo ou demais funções dentro da linguagem cênica em um grupo ou companhia teatral;
  • Preparar pesquisadores da linguagem cênica e da arte-educação para desenvolvimento de projetos voltados para pós-graduação do pesquisador e projetos artístico-culturais e sociais.

Perfil do egresso

O Curso objetiva formar um profissional em estreita sintonia com as tendências atuais, preparado e em constante processo de formação para entender os novos paradigmas perceptivos, novas relações de tempo e espaço, múltiplos interesses, poderes, modos tecnológicos de comunicação e, sobretudo, capaz de compreender tais processos, segundo recomenda os PCNs. É de fundamental importância que o licenciado em Artes Cênicas, na atualidade, domine os conhecimentos que lhe permitam desenvolver uma educação na arte do movimento humano, que integre contemporaneidade e diversidade cultural, que respeite e reconheça o conhecimento e as experiências que os discentes possuem, fruto do seu meio sócio-cultural, de seu cotidiano e que, fundamentalmente, possa contribuir para desenvolver e ampliar o universo desse conhecimento.
Para alcançar esse perfil, o licenciado deverá (re)construir conhecimentos e desenvolver capacidades ao longo do Curso que lhe habilitem a:

  • Ser competente para o exercício do magistério relativo à educação básica formal – educação infantil, ensino fundamental e médio, bem como no ensino não formal, por meio de oficinas pedagógicas e ações culturais;
  • Ter domínio das teorias e práticas sobre a linguagem teatral e sua relação com os princípios gerais de educação;
  • Ter domínio dos processos pedagógicos referentes à aprendizagem e desenvolvimento do ser humano como subsídio para o trabalho educacional;
  • Ser capaz de coordenar o processo educacional de conhecimentos teóricos práticos sobre a linguagem teatral;

Estágio Supervisionado

O Estágio Supervisionado no Curso de Licenciatura de Artes Cênicas segue o Regulamento do Estágio Curricular Supervisionado dos Cursos de Licenciatura Presenciais do IFTO, Aprovado pela Resolução Ad referendum nº 1 2012/CONSUP/IFTO, de 30 de agosto de 2012 […], e alterado pela Resolução nº 41 2013/CONSUP/IFTO, de 20 de agosto de 2013.
O estágio curricular supervisionado do Curso de Artes Cênicas está organizado em 433,33 horas divididas entre as fases de observação (108,33 horas), observação participante (108,33 horas), regência (108,33 horas) e projeto de intervenção (108,33 horas). O estágio curricular supervisionado tem início a partir do 4º período do curso, organizado em modalidades distintas e direcionados para atendimento das especificidades pretendidas para cada disciplina de estágio. Tais atividades são desenvolvidas em escolas campos do município do Gurupi em convênio e parceria junto a instituições. O Estágio Supervisionado do curso de Artes Cênicas tem a seguinte estrutura:

Estágio I: Observação
Observação da estrutura e funcionamento da escola e da sala de aula como espaço de interação sócio cultural e de aprendizagem, sem a participação direta do estagiário.
Estágio II: Observação participante 
Observação participante da sala de aula e da docência com colaboração do estagiário nas atividades desenvolvidas.
Estágio III: Regência
Regência na sala de aula com desempenho de tarefas docentes pelo estagiário.
Estágio IV: Projeto de Intervenção
Concepção, elaboração e execução pelo estagiário, de projeto de ensino com abordagem em artes cênicas / cultura / arte e/ou arte educação.

Documentos do Estágio

Credenciamento de Estágio
Diretrizes de Apresentação de Estágio (em construção)
Ficha de Avaliação  - Licenciaturas
Ficha de Avaliação - Professor Orientador
Ficha de Avaliação - Supervisor de Estágio da Unidade Concedente
Folha de Acompanhamento de Estágio
Modelo para Plano de Trabalho
Modelo de Projeto de Intervenção
Modelo de Relatório Semestral
Controle de Frequência do Estágio Supervisionado
Regulamento do Estágio dos Cursos de Licenciatura Presenciais do IFTO
Solicitação de Estágio
Termo de Compromisso
Termo de Convênio
Termo de Rescisão de Estágio Curricular Supervisionado

Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)

Até o final do 7º período do curso de Licenciatura em Artes Cênicas o estudante deverá apresentar como trabalho de conclusão uma monografia que demonstre sua capacidade para formular, fundamentar e desenvolver um problema e pesquisa de modo claro, objetivo, analítico e conclusivo, acerca das artes cênicas ou educação em Artes Cênicas.
O TCC deve ser desenvolvido individualmente, segundo as normas da ABNT, orientações que regem o trabalho e a esquisa científica e as determinações do Regulamento de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) dos Cursos de Graduação Presenciais do IFTO.

Documentos do TCC

Modelo do Pré-Projeto
Declaração de aceite para defesa em regulamentação atual
Declaração de autoria de trabalho
Diretrizes de Apresentação de TCC
Ficha de avaliação individual
Frequência
Registro de Formalização de TCC
Regulamento de TCC dos Cursos de Graduação Presenciais do IFTO
Requerimento de Banca
Memorando Circular n 01/2014 – COSUP/GURUPI/IFTO
Termo de Autorização de uso de imagem e depoimentos

Atividade Complementares

As Atividade Complementares no Curso de Licenciatura em Artes Cênicas seguem o Regulamento de Atividades Complementares dos Cursos de Graduação Presenciais do IFTO, Resolução nº45/2012/CONSUP/IFTO, de 19 de novembro de 2012 e alterado pela Resolução n 36/2013/CONSUP/IFTO, de 20 de agosto de 2013.
Complementando a prática profissional e o estágio supervisionado de ensino, o acadêmico deverá cumprir, no mínimo, 200 (duzentas) horas extracurriculares de atividades acadêmico, científicas e culturais e desenvolvidas pelos licenciandos ao longo do curso, como forma de incentivar uma maior inserção em outros espaços acadêmicos.

Documentos das Atividades Complementares

Regulamento de Atividades Complementares dos Cursos de Graduação Presenciais do IFTO
Portaria 130 – Diretrizes de Atividades Complementares
Ficha de Acompanhamento
Requerimento de Validação de Atividades Complementares

Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Artes Cênicas

PPC Artes Cênicas – Abril de 2012
PPC Artes Cênicas – Abril de 2014
PPC Artes Cênicas – Março de 2017

Documentos Importantes

Regulamento – Mostra de Trabalhos do Curso de Artes Cênicas – 2014
Calendário Acadêmico – 2014/2
Normas para utilização dos laboratórios
Organização Didático Pedagógica de Cursos Superiores do IFTO – ODP